Identidade financeira. Quem você é em relação ao dinheiro?

Quem é você? Todos já nos deparamos com esta pergunta e sempre procuramos por respostas adequadas para dar a entender que somos bons. Mas desta vez, vamos responder no ponto de vista do dinheiro. Quem é você em relação ao dinheiro?

Partilhar Postagem pelo /

Identidade financeira. Quem você é em relação ao dinheiro?
Poupança e Investimento

26/05/2021 às 06:08 | Vizualizações 127

Nossa identidade é desenvolvida a partir da infância e começa a ser firmada e estabelecida no fim da adolescência e no início da juventude. É o conjunto de características próprias e exclusivas que definem o eu, o self de alguém.

 

Penso que você lembra da pergunta manchete da disciplina E.M.C. que todos um dia tivemos que responder: Quem é você? Lembra, não é? Hoje também, a Academia Poupa Invest reforça a mesma, mas sob o prisma financeiro: quem é você no ponto de vista financeiro?

 

Pense nisso:

Identidade é a manifestação externa de quem você é internamente (seus pensamentos, imaginação, inclinação, percepção, razão, reflexão…). Então identidade financeira vai ser a manifestação externa do seu interno no que tange às finanças, ao dinheiro.

 

Incongruência do Eu

 

Quem gasta tanto com amigos, e ao chegar em casa vê em falta aquilo que ofereceu no convívio (e isto com constância), sua identidade está dividida e é incongruente. Se seu rendimento não permite ter vida cara, não busca vida cara, de aparência.

 

A sua identidade é dividida por identidade percebida (o que você pensa ser), identidade ideal (o que você deseja ser) e identidade real (quem você é realmente). Quando não há um equilíbrio entre estes elementos, a identidade é incongruente, também no trato com as finanças.

 

A Lei da Causa/Efeito

 

Muitos não se curam de suas “enfermidades financeiras” porque estão lutando com os “sintomas” e não as causas. Tem dificuldade de poupar, orçar e investir? Isto é um sintoma de fracasso financeiro, e a causa pode estar em sua identidade, em seus valores e convicções.

 

Conheça-se melhor!

 

Então, não luta com a falta de poupança e orçamento, lute consigo mesmo que sabe que deve fazer isso, mas não faz. Você é a razão de não ter saúde financeira, portanto, teste sua identidade financeira, analisando seus pontos fortes, fracos, seus valores e seus objectivos.

 

Pontos fortes

 

Em primeira instância, veja quais os seus pontos fortes quando tem o dinheiro nas mãos. Uma identidade se firma com os pontos fortes da personalidade. Já ouviu que os contabilistas são “agarrados”? Isto é o ponto forte deles pois não gastam por gastar. Qual é o seu ponto forte?

 

Check-up

 

Você tem visão em Negócios? Tem cuidado de fazer uma saída sem antes prevê-la em um orçamento? Poupa com constância? Tem a preocupação incessante de criar focos de renda? Rejeita os gastos pretensiosos? Evita dívida a todo custo? Estes podem ser seus pontos fortes.

 

Pontos fracos

 

É importante saber o ponto fraco que tem roubado de si a dignidade. Saber que se não tem uma vida financeira organizada e próspera, “a razão é esta”, “é aquela”. Porque “se você quer ser realmente forte, então você deve conhecer seu ponto fraco”. – Shunryu Suzuki

 

Faça o Check-up

 

Gasta para mostrar que tem dinheiro? Quando o assunto é gastar, você é o “cara”? Se endivida se o assunto é pôr bem os seus “wys”? Quando sente vontade de gastar, não sente em paz até gastar? Não poupa, não investe nem orça?

 

OBS: se os primeiros 4 itens lhe caracterizam, seu problema é emocional. Você tem uma cede de afecto e procura supri-la quando esbanja. Sua identidade é sugestionável e faz “sacrifícios” a outros para se sentir satisfeito consigo e aceite por outros. É o seu caso? Marque uma terapia no Poupa Invest.

 

Identidade financeira. Quem você é em relação ao dinheiro

 

Seus Valores e Convicções

 

Tudo aquilo em que acredita faz parte do seu repertório de valores e suas acções serão movidas por elas porque nossas decisões são mais tomadas por aquilo que acreditamos do aquilo que sabemos.

 

Então, acredite que a Poupança, o Orçamento, Investimento, o Anotar com regularidades suas despesas, o gastar menos do que ganha, irão fazer de você um “novo homem”, ainda que não seja um “homem novo”. Estes são os valores financeiros de pessoas ricas.

 

Objectivos

 

Uns preferem chamá-los de sonhos. O que você tem projectado para sua vida financeira a curto, médio e longo prazo. Seus objectivos financeiros serão o motivo para continuar quando “não houver razão” para isso. Anote no seu Bloco de Poupança seus objectivos e alcance-os.

 

Check-up

 

Desejar fazer crescer seu dinheiro/património a médio prazo? Deseja ter disciplina financeira no tempo estabelecido? Deseja que seu dinheiro venha a trabalhar para si?

 

Sua identidade financeira é caracterizada por estes elementos e eles determinam se tem uma identidade financeira frouxa ou firme!

 

Conclusão

 

Quando se tem noção séria destes itens a pessoa se firma, não gasta para aparecer, gasta para suprir uma necessidade. Não gasta para suprir carência de afecto nem para intimidar, gasta porque planeou e foi previsto no seu orçamento.

 

Então quem é você em relação ao dinheiro?

Relacionados

Poupança e Investimento

17 Jan, 2020

FAÇA POUPANÇA E PEQUENOS INVESTIMENTOS
Poupança e Investimento

02 Mar, 2020

5 VANTAGENS QUE HÁ EM FAZER POUPANÇA
Poupança e Investimento

08 Apr, 2020

4 REGRAS PARA GASTAR MENOS DO QUE GANHA